Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Passa Por Lá

Passa Por Lá

12
Mar14

divagações sobre o amor

Carolina
o amor é parvo, 
pateta e torto, parecido com uma lata de tomates pelados de tão vermelho que é. 
o amor é um pimento assado e quente, 
que se separa da casca depois de tanto suar.
é um estúpido rapaz e uma mimada rapariga. 
o amor não existe, 
não se vê, não tem linha que se traça ou destino que se encontre; 
o amor é enorme
com as baleias e as pessoas altas e obesas; 
como tudo o que está para lá do mundo; 
o amor é às cores como uma montra de uma loja de verniz para as unhas 
e uma primavera de cores; 
o amor é calçar ténis sem ser ao fim de semana, 
e calçar uns stilettos para acompanhar a roupa interior.
o amor é um cão, 
ladra de encantos, abana o rabo de feliz, 
uiva de dor e magoa nas ruas da amargura; 
o amor é um cena estranha, 
uma cena sem filme, ou um filme sem cenas; 
o amor é uma girafa de cabeça no ar e uma avestruz de cabeça na areia;
é um puta que se dá por dinheiro e uma virgem que se dá por encantamento; 
é uma força, uma doença, um suspiro, um gemido; 
o amor é o perfeito silêncio, aquele que não incomoda quando se partilha, 
é o olhar, ultrapassa em larga escala a sua conjugação falada em verbo, 
é muita mais que o som da acção que promove; 
o amor é um bom dia, 
 e é um dia bom, 
é quase sempre um quase, e quase nunca um nada. 
o amor pode ser tudo o que quiseres e ainda o que não tens, 
pode ser o mais imperfeito dos caminhos 
a mais sinuosa estrada, o mais perfeito ideal 
e de certeza que no final de contas não é nada disto! 

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D