Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Passa Por Lá

Passa Por Lá

07
Ago08

19

Carolina

Sem profundidade e com as cores do arco-íris sopra ainda aqui a brisa que foi ventania "ainda nesta passada manhã"...

Enquanto sopra, roda e permanece e 19 vezes sobe à minha torre negra não estudada. Eu sinto-me bem, sinto-me mesmo bem, tão bem que não deveria sentir-me assim, culpa-me o sopro latente de mim,  este surto do verbo estar. Estar assim... estar aqui, (passar por lá?!)

Sem números e rodeada de contas, solta-se o sopro da musica, onde verde também é branco e tudo é de luz de cores, onde giram as rodas de newton e se dissipam os electrões dos raios ultra-violeta que estiveram ainda agora em mim, que ficam e logo se transformam, e logo começam.

Sopram 19 ventos e muitas vontades, morre um rei, e conquista-se terra num império para colocar noutro, morre a toda a hora uma mosca, um nazi escondido entre uma população de santos, e um neo-nazi ressuscitado de um cântico antigo, escondem-se ladrões de almas entre os buracos da chuva e cantam as aves nos entre-meios do vento. E o teu sorriso, e o meu sorriso, são só isso e assim são. Nada mais precisam de ser, nada mais precisam de mostrar!! 19 ventos soprados, 19 vistas do topo, 19 eus misturados, 19 tus tal qual tu és...Chega e basta este Eu assim, tal como hoje, tal como nunca, também... quase perfeito se está, sinto-me bem...sinto-me assim, como não devia?!

Cais? não sei, se caísses agora, não saberia, não veria, não estaria; tão ofuscada que de mim estou por mim, tão misturada neste sorriso, neste dourado do minha tez, daria conta só de mais um anoitecer e do próximo renascer de mais uma manhã.
Não quero que caias, não quero, mas se caíres prefiro nas cores, num raio de luz, no aperto de um momento, num raio deste sol, saber, sentir...

Eu continuo a soprar na subida à minha torre, continuo a encontrar 19 vezes as cores de mim, translucidas num espelho de 4 faces, 5 pontas e 6 visões diferentes, e alguma brisa da manhã, aquela que já foi vento, e também ventania.
Sinto-me reticente e não renitente como as pontas finas alinhadas numa frase nunca acabada, sinto-me como ainda agora e já depois, sinto-me bem, sinto-me leve, sinto-me renascida entre os sopros, sinto-me como não me deveria sentir, mas sinto...
Que fazer com isso? Não sei, mas não saber faz parte do que sinto!! Sinto-me como o meu sorriso, que hoje, algures no local onde estás, algures no local onde estejas, algures no local onde já estiveste, é para ti....o meu sopro este que newton roda, esse de cores de arco, esse de sentir assim, é de forma egoista,(tão dispar do que quase sempre sou) inteiramente meu, mesmo que esteja só a pensar passar por cá....

19 e roda e hoje estou assim, desculpa se me sinto bem.... desculpa mas hoje não é assim, mas assim:

19 e roda hoje estou assim.... sinto-me bem... estejas onde estiveres o meu sorriso hoje, é para ti!

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D